Psoríase Eritrodérmica

Entre os vários tipos de psoríase existentes, esta é a forma menos comum mas é talvez a mais grave. Manifesta-se em todo o corpo e faz com que a pele fique com um aspeto queimado. Outros sintomas são:

Muita comichão;
Ardor;
Pele a “descascar”;
Arritmias cardíacas;
Alteração da temperatura corporal.
É necessário procurar um médico assim que for detetado algum destes sintomas. O tratamento é feito num hospital, e a ausência do mesmo pode provocar uma infeção, outra doença grave (devido à perda de proteínas e fluido), pneumonia e insuficiência cardíaca. Alguns dos gatilhos que podem fazer aparecer a psoríase eritrodémica são:

A paragem brusca de um tratamento sistémico para outro tipo de psoríase;
Uma alergia a alguma droga;
Uma queimadura solar grave;
Uma infeção;
Medicamentos tais como lítio, drogas anti malária ou cortisona.

Fonte: Vida Ativa.